Iniciativa tem como objetivo descobrir formas de transmitir mensagens com empatia e respeito, no dia a dia

Muito se fala sobre a empatia, que em seu sentido literal reflete a capacidade psicológica para sentir o que o outro sentiria, caso estivesse na mesma situação. Ou seja, colocar-se no lugar do outro, diante das mais adversas circunstâncias, antes de julgá-lo.

Para assimilar este e outros desafios da vida em comunidade, a administradora e uma das fundadoras do grupo Aldeia, Ariane Osshiro, realiza em Campo Grande, o terceiro encontro “Comunicação não Violenta – Transmita sua mensagem com empatia e respeito”.

“Conviver em sociedade é um desafio, são diferentes formas de ver o mundo, diferentes vivências, diferentes contextos e tudo isso reflete na forma como lidamos com o outro. Nem sempre nos damos conta de que o outro também tem seus conflitos internos e angústias, com isso, vivemos de modo mecânico, concentrados apenas em nosso próprio eu”, explica a ministrante, sobre a motivação para os encontros.

Para participar dos encontros só existe um pré-requisito, estar disposto a se integrar com o outro e romper as barreiras que levam até à empatia. O espaço escolhido é a Leparole Livraria, propício para garantir acolhimento e aconchego aos participantes.

Quem já participou das edições anteriores compartilha uma transformação interna: “Cheguei ao curso achando que me ajudaria a controlar meu ímpeto e minha natural “braveza”; saí de lá modificada e consciente de que preciso perceber minhas necessidades: libertador!”, avalia a advogada, Fernanda Baldo.

Apesar de trabalhar a empatia como tema central, os encontros que discutem a comunicação não violenta são recebidos de formas diferentes para cada participante, resultado da junção de diferentes buscas. “Comunicação não violenta é quebrar ciclos arrastados por gerações. É se armar pela empatia. É descobrir o quanto podemos ser melhores sem dores e traumas. Vale a mudança na direção.”, completa a jornalista, Laureane Schimidt.

Sobre os encontros

Sempre das 9h às 11h, os encontros foram divididos em seis sábados, dias 12 e 26 de agosto e em setembro, nos dias 02, 09, 16 e 26. Em cada encontro, um tema é trabalhado: Observação, Sentimentos, Necessidades, Pedido, Autenticidade e, por fim, a tão esperada Empatia.

As inscrições podem ser feitas diretamente na Leparole Livraria, que fica na Rua Euclides da Cunha, n. 1126 ou pelo telefone (67) 98409-1581. O investimento para as seis etapas é de R$ 250, sendo que os interessados podem participar dos encontros individuais, com valor de R$ 60.

 

Sobre o Autor

Mãe apaixonada da Júlia e da Isadora, Jornalista, apaixonada pela profissão, por literatura, fotografia e por seus blogs. Descobriu um mundo totalmente novo depois da maternidade, se apaixonou por ele e veio os blogs, novos trabalhos, novas paixões e uma nova e emocionante forma de ver e viver a vida.

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado.