A Biblioteca Pública Estadual Dr. Isaias Paim está com inscrições abertas para as Oficinas de Férias, que acontecem nos dias 10, 11 e 12 de julho. Podem participar crianças de 8 a 12 anos. As inscrições são gratuitas e são oferecidas 120 vagas.

O Projeto férias na biblioteca é um projeto infantil que visa atender o calendário da educação, no momento em que as crianças se encontram em férias letivas. Que busca promover a interação social e cultural durante esse período, incentivando e estímulo o conhecimento e integrando as linguagens: Literatura, brincadeiras lúdicas, música, arte entre outras.  As atividades realizadas visam ainda contribuir para o desenvolvimento da criatividade, concentração, percepção, observação, imaginação e principalmente a espontaneidade, com oficinas que estimulam o incentivo a leitura, imaginação com a contação de histórias e brincadeiras de resgate do popular.

Além de oferecer momentos de diversão e criação, a programação de férias atrai as crianças para o universo de livros que compõem a Biblioteca Estadual, que conta com aproximadamente 3 mil publicações destinadas ao público infanto-juvenil e outras 30 mil no acervo geral.

“No mundo de hoje as tecnologias cada vez mais ganham força, e os livros e as brincadeiras ficam cada vez mais distantes dos corpos infantis. Pensamos a biblioteca como um lugar em que devemos ter o cuidado, isso se aplica à afetividade, formação de identidade, desenvolvimento da criatividade, capacidade de ouvir o outro. Além disso, com a leitura e as diversas linguagens do saber que propomos na Biblioteca, faz-se mais que obrigatória a leitura, para que  todas as formas do saber aproximem esses corpos que estão em processo de formação, propiciando contribuir para a democratização de nossos bens culturais, bem como incentivar a escrita”, explica a coordenadora da Biblioteca, Eleuzina Crisanto de Lima.

Na quarta-feira, dia 10 de julho, acontece a contação de histórias populares, contos africanos e da cultura brasileira, com o ministrante Ciro Fereira, graduado em Artes cênicas pela Universidade Estadual de MS. A contação de histórias é um importante subsídio e recurso didático educativo, que propicia a ludicidade. Haverá o momento interativo de montagem do brinquedo, que poderá ser pião de reciclagem e mamulê gigante.

Quinta-feira, 11 de julho, será a vez da contação de lendas e causos brasileiros, também com Ciro Ferreira. Serão montados brinquedos como corda, elástico brincante e será iniciada a montagem do “painel do Manoel” (as crianças vão montar um painel com frases, poesias e reproduções de ilustrações dos livros de Manoel de Barros). Logo depois será ministrada a Oficina de Origami com Dayane Afonso, acadêmica do curso de Letras da UFMS.

Na Sexta-feira, 12 de julho, será a vez do momento autoral, com contação de histórias escritas por Ciro Ferreira. As crianças continuam depois com a montagem do Painel do Manoel, participam de brincadeiras de pátio, bola de sabão gigante, cordas e elásticos cantados. Depois será a vez de Mariana de Castro orientar a contação de histórias e a brincadeira de Boi. Mariana é acadêmica de Artes Cênicas da UEMS e estagiária da Biblioteca, e explica que no Brasil existem mais de 300 grupos de bois. “São manifestações populares que acontecem em vários lugares e se tornam tradição porque são passadas oralmente de geração em geração. Na manifestação popular é muito importante a alegria, as manifestações populares têm isso, é o sangue pulsando. Valorizar nossa cultura brasileira é muito importante”.

Serviço: O Projeto acontece há mais de cinco anos e já faz parte do calendário educativo da Biblioteca. Acontecem nos dias 10, 11 e 12 de julho, das 8h30 às 11h30, na Biblioteca Pública Estadual Dr. Isaías. Paim. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas presencialmente, na Biblioteca, que fica no 2º andar do Memorial da Cultura e Cidadania (Avenida Fernando Correa da Costa, 559), ou pelo telefone (67) 3316-9161.

Sobre o Autor

Mãe apaixonada da Júlia e da Isadora, Jornalista, apaixonada pela profissão, por livros, fotografia e por seus blogs. Descobriu um mundo totalmente novo depois da maternidade, se apaixonou por ele e veio os blogs, novos trabalhos, novas paixões e uma nova e emocionante forma de ver e viver a vida.

Uma resposta

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado.